Os vírus de computadores são na verdade, programas, rotinas, macros, que se auto-duplicam e fazem diversas atividades não solicitadas; ilícitas; de mau-gosto e talvez tudo ao mesmo tempo.
Os primeiros vírus de computador eram pequenos programas que se juntavam com programas executáveis, ou a área de inicialização do sistema operacional e iam se duplicando, normalmente cada vez que você rodava um programa infectado o mesmo ficava ativo na memória e contaminava todos os programas que iam sendo chamados, ou outras áreas de inicialização de discos, ou os dois. Em uma determinada data eles faziam algo como formatar seu winchester, ou fazer cair as letras do seu monitor ou fazer aparecer uma bolinha na tela que pulava de um lado para o outro. O primeiro vírus famoso foi o Jerusalem ou o Sexta-Feira 13 que simplesmente comemorava a Sexta Feira 13, inflando os arquivos. Daí para alguém ter a idéia de alterar e colocar uma função de formatação de winchester foi um pulo.
Hoje temos uma quantidade espantosa de vírus e outras pragas digitais: vírus, worms, cavalos-de-tróia, vírus de macro, vírus de e-mail, entre outros.
Os vírus agora são mais complexos e são muitos mais fáceis de se pegar, por causa da INTERNET e de suas facilidades. Um vírus pode ser feito no Japão e ser enviado para o Brasil em minutos, talvez segundos. Hoje um vírus não altera somente executáveis, mas varre diretórios inteiros, se disfarçam de outros programas, se auto disseminam via e-mail, irc, icq, invadem redes, roubam senhas e para piorar estão cada dia mais rápidos na sua propagação.

Vamos tentar definir alguns:

Vírus – Programa de computador que se aloja dentro dos sistemas de forma furtiva e se auto-propaga.

Worms – Minhocas, são vírus que penetram em seu computador sem você executar nenhum programa contaminado. Simplesmente usando a Internet, lendo seu e-mail.

Cavalo-de-Tróia – É um programa que contém propositalmente um vírus, pode ser um jogo, um utilitário, um aplicativo qualquer. Este são normalmente transmitidos via e-mail ou durante um sessão de chat.

Vírus de Macro – É uma macro que vem dentro de um arquivo aparentemente inofencivo, como um documento do Word ou uma planilha Excel. Ao abrir o arquivo com o software gerador, o vírus entra em atividade e contamina as macros do próprio programa e assim contaminando todos os arquivos que são abertos.

Vírus de E-Mail – É um vírus (cavalo-de-tróia ou vírus de macro) que se propaga usando o e-mail, fazendo com que sejam enviadas várias cópias de si mesmo para os destinatários do computador infectado.

Vírus de Bios – Popularizado pelo Chernobyl, este tipo de vírus corrempe memórias do tipo flash-bios e tem a capacidade de sobrecrever winchesters com lixo.

BackDoors – Estes não são propriamente vírus, mas sim programas de controle remoto de um computador, mas que entram no computador da mesma forma que um vírus, ou seja: sem solicitação, sem permissão. Este tipo de praga digital permite que outras pessoas tenham acesso ao seu computador, seus arquivos, seus dados e até ao seu teclado e mouse.

Hoaxes ou Hoax: Este é o famoso vírus social, ou seja, não é um vírus propriamente dito, é na verdade um boato, ou melhor: uma mentira passada de boca em boca, ou e-mail em e-mail…Os exemplos classicos são aquelas mensagens do tipo não abra a mensagem com o texto “XYZ” que a sua máquina será formatada e você perderá todos os seus dados, ou outros como aquele do dinheiro que a Microsoft supostamente oferecia para testar um determinado software para a mesma. Normalmente esta mensagem é passada como se fosse enviada por uma grande empresa como a IBM, Microsoft e etc. Normalmente os usuários mais inexperientes é que são pegos por este “trote digital”.

O que são programas anti-vírus e como funcionam.

Programas anti-vírus são programas que permitem a proteção contra vírus, a identificação dos vírus e a eliminação dos vírus.
O funcionamento deles é relativamente simples: normalmente eles ficam ativos e percebem a gravação e a leitura de arquivos e quando um vírus conhecido entra em ação, o anti-vírus avisa ao usuário de sua presença e o elimina do sistema.

O que são firewalls e como funcionam.

Programas firewall é como se fosse uma barreira de fogo contra possíveis invasores. É um programa que monitora a atividade da rede e impede que programas realizem operações que não estão disponíveis, dependendo da definição.

O funcionamento deles é relativamente simples: normalmente eles ficam ativos e percebem a gravação e a leitura de arquivos e quando um vírus conhecido entra em ação, o anti-vírus avisa ao usuário de sua presença e o elimina do sistema.

Dicas para evitar vírus em geral

Vamos dar as dicas gerais para se evitar pegar vírus:
Adquirir e manter atualizado um programa anti-vírus.
Adquirir e manter atualizado um programa firewall ou um dispositivo de firewall.
Manter-se longe a pirataria de software dos seus computadores e da sua rede.
Não abrir arquivos desconhecidos ou de procedência duvidosa, sem antes fazer uma checagem com um programa anti-vírus atualizado.
Não abrir arquivos atachados de e-mails que vc não tenha solicitado.
Fazer checagens periódicas em seus sistemas.
Não desabilitar o anti-vírus durante o uso da internet ou ao se abrir e copiar programas.
Não repassar informações que não são absolutamente confiáveis, ou que não podem ser verificadas, tais como pedidos de doações, descrição de doenças, sequestro de crianças, promoções de doações de dinheiro, produtos e etc.

Dicas para evitar vírus que se propagam por e-mail

Aqui a história pode ser um pouco mais complicada, pois os vírus estão se tornando cada vez mais inteligentes, mas vamos tentar dar dicas importantes sobre este assunto:

Não abrir arquivos atachados, a não ser que vc o tenha solicitado
Arquivos atachados .scr .exe .com .vbs .bat .doc .xls .htm .html .zlo podem estar com vírus, portanto, se não for essencial, apague o arquivo atachado ou ainda não abra o e-mail.
Não seja curioso, a maioria dos e-mails com vírus é uma especie de armadilha, que aguça a nossa curiosidade, os vírus “I love you”, MTX e o Sonic são exemplos disto.
Esta pode ser polêmica, mas…Evite usar o Eudora e o OutLook como softwares client e-mail, eles normalmente tem dentro de si a capacidade de rodar pequenos programas que normalmente são usados para os vírus se propagarem, ou então coloque os softwares em proteção máxima e desabilite ao máximo funções que podem possuir brechas de segurança.
Softwares para prevenção contra vírus e invasões.

Para se prevenir contra vírus e invasões são necessários no mínimo instalar programas antivirus e firewall em seus equipamentos. Veja algumas opcões abaixo:

Norton AntiVirus é um software eficiente na detecção e eliminação de vírus. Custa cerca de R$ 89,00 e vale por um ano. Você pode pegar uma versão de demonstração no site da Symantec.

AVG é um software bastante eficiente para a detecção e eliminação de vírus. E é gratuito. O único detalhe é que o software é geralmente atualizado mensalmente, o que faz com que seu micro fique desprotegido de alguns vírus mais novos e a atualização é bem grande também cerca de 3 MB. Pegue o seu na Grisoft.

Zone Alarm é um firewall que filtra tudo que entra e sai pela rede, podendo impedir que haja invasões em sua máquina ou que softwares acessem a internet sem o conhecimento do usuário. Tem uma versão gratuita para uso pessoal na Zone Labs.

Atualizações de Anti-Vírus

Aqui vc pode atualizar seu antivírus fazendo o download do arquivo DAT com as novas definições de vírus, vejal alguns:

VirusScan – McAfee
Norton Antivírus – Symantec
F-Prot – Data Fellows

A maioria dos programas tem atualização automática, ou ainda uma opção de update manual. Não se esqueça de atualizar seu antivirus.

Verificação on-line de vírus

A verificação de vírus e eventual eliminação do vírus on-line é uma das opções que estão ao alcance de qualquer usuário que utilize a Internet. Existem diversas opções para este tipo de serviço, confira abaixo as opções e suas principais características.

AntiVírus eXpert OnLine é um serviço grátis oferecido pela Central Command que permite a verredura de memória, correio eletrônico, arquivos e boot do HD. Realiza a limpeza automática de vírus, envio de vírus para a Central Command, programas para a eliminação de vírus específicos, suporte online e newletters sobre vírus.

VirusScan OnLine é um serviço oferecido pela McAfee que se divide em grátis que apenas checa a existência de vírus e a paga que permite a limpeza, atualização automática e disco de recuperação por
U$ 24,90 anuais (valor de dez/2001).

Security Check é um serviço de checagem oferecido pela Symantec que permite a checagem de vírus e um verificador de vulnerabilidades e ataques. Não funciona com proxy e firewall ligados.

House Call é um serviço oferecido pela Tred Micro que detecta e elimina vírus on line. Foi um dos primeiros serviços deste tipos disponibilizados online.

Mynetis é um serviço oferecido pela Hauri Micro que detecta e elimina vírus on line. Tem opções de vacinas específicas, newsletters.

Estou com um vírus e agora?

Agora você terá que utilizar um software antivírus para limpar suas máquinas. Pode se optar por um software gratuito como o AVG, um software como o Norton Antivirus ou ainda utilizar um serviço on line como o AntiVírus eXpert OnLine e eliminar o vírus.

Anúncios